terça-feira, 16 de novembro de 2010

«As Escolhas dos 20» #16

20 Escolhidos revelam 5 escolhas que definem a 7ª Arte.

Escolhido #16 - João Costa,
autor do blogue Cine Lotado

O filme de Ficção-Científica que define o género:A Origem (2010), de Christopher Nolan

A melhor Animação de sempre:Toy Story 3 (2010), de Lee Unkrich

O grande filme de Terror:Actividade Paranormal (2007), de Oren Peli

O filme de Guerra por excelência:Sacanas Sem Lei (2009), de Quentin Tarantino

O filme que define os últimos 3 anos de cinema:A Origem (2010), de Christopher Nolan

Agradecimentos especiais: João Costa.

A 1ª série da iniciativa aproxima-se do final.
Quem será o Escolhido #17 e quais serão as suas Escolhas?

16 comentários:

  1. Sacanas à parte (e mesmo assim desenquadrados), talvez as piores escolhas que por aqui já passaram

    ResponderEliminar
  2. Prevejo muita gente a cair em cima do pobre João. Acho que só são escolhas um pouco... "verdes" demais, afinal de contas são tudo filmes dos últimos dois anos(!).

    Mas pronto, opiniões e identific-me com a última :)

    ResponderEliminar
  3. pois.. fiquei com a ligeira sensação de que quem escolheu só viu o cinema de 2009 e 2010 xD

    ResponderEliminar
  4. Não lhes quero chamar piores. A escolha da palavra "Verdes" do Rui Francisco Pereira parece-me mais adequada:) Por momentos pensei que houvesse uma restrição temporal a anos mais recentes...

    ResponderEliminar
  5. Comercialidade levada ao extremo neste caso, parece que os foi buscar ao site da Zon Lusomundo. Sem ofensa a qualquer admirador dos filmes citados mas nenhuma das escolhas define o genero (nem de longe nem de perto) compreendia-se o "Sacanas Sem Lei" como definição aos últimos 3 anos de cinema, mas não como filme de guerra, é um absurdo.

    ResponderEliminar
  6. Ainda não vi o Toy Story 3. E tirando o Paranormal Activity (que a meu ver, nem define o género no seu próprio ano), gosto de todos. Não utilizaria essas escolhas para definir os géneros em que se inserem, mas são bons filmes. :) Cumps.

    ResponderEliminar
  7. Trata-se, sem dúvida, de uma lista temporalmente muito redutora. Mas também demonstra como esta iniciativa, impreterivelmente, vive dos gostos pessoais de cada escolhido...

    Cumps cinéfilos a todos!

    ResponderEliminar
  8. Apesar de também não concordar bem com a maioria das escolhas, dos que vi, gosto de todos os filmes citados. Toy Story é um grande filme e sendo que se trata de uma segunda sequela ou o culminar de uma trilogia, ainda o venero mais.

    Actividade Paranormal ainda não vi. Inglourious Basterds não acho que esteja no género mais correcto, definiria mais facilmente os últimos anos do que propriamente a Guerra. Mas também sou da opinião, tal como o Pulp Fiction, que sendo um Tarantino não se adequa inequivocamente num género específico, ainda que toque em tantos, da comédia negra à pura aventura.

    Inception para os últimos anos está perfeito, nada a dizer. Para definição da ficção científica nem tanto, apesar de possuir um argumento muito mirabolante, digamos.

    abraço

    ResponderEliminar
  9. São todos bons filmes dos últimos meses. O cinema mais entertainment não tem mal nenhum e serão sempre sedutores (seduzem-me sempre). A lista é boa e relega o aprofundamente classicista que por aqui se teria de vislumbrar para definir géneros. É pena ter desaproveitado a possibilidade de usar 5 escolhas quando apenas apresenta 4 na lista (um deles é repetido - teria colocado o Avatar num qualquer ponto onde está Inception e teria resultado na mesma).

    Por exemplo, adorei o Paranormal Activity pelo simples facto de com tão pouco ter trazido de volta o terror soft (e não o brutalismo tão em moda) que tanta falta já fazia.

    João Costa, digam o que disserem por aqui, não duvide que são todos bons filmes estes que aqui trouxe. São filmes para grande público e não as elites e nesse aspecto excelentes referências.

    ResponderEliminar
  10. Pois, o "grande e anónimo público"...
    Mas só se safam mesmo os sacanas (e não é um filme de "elites", muito longe disso).
    Por isso, caro João Costa, duvide..., duvide muito destas suas escolhas!

    ResponderEliminar
  11. Tenho a dizer que... assustam-me bastante as escolhas. Mas compreendo. Cada um começa a sua estrada do cinema de forma diferente. Para uns o cinema é a vida, para outros são só filmes... E por isso não critico as escolhas do João. Ele começou mais tarde a sua experiência daí também as escolhas. E eu... também tenho má memória, portanto às vezes a mente também me vai parar a filmes mais recentes.

    ResponderEliminar
  12. TIAGO RAMOS: Não me assustam, claro, mas espero que daqui a um ano o João, perante o mesmo desafio, já faça outras escolhas. Se não, é-me igual ;)

    Cumps.
    Roberto Simões
    » CINEROAD - A Estrada do Cinema «

    ResponderEliminar
  13. Esta é boa... sugerindo aqui filmes "blockbuster" remete-se para o susto e a dúvida. Roberto... o contexto é aquele que já debatemos...

    Sabendo relativizar cada tipo de filme e tendo a capacidade para notar que existem mais filmes além das obras de "não-entretenimento" e fora do classicismo... vislumbra-se o valor destes destaques, onde nenhuma das escolhas me assustam, pois são todos os 4 filmes de assinalável bom gosto perante a enorme produção dos últimos meses que o cinema mainstream tem recorrentemente colocado para oferta. É por tudo isso que não duvido nada destas escolhas como os mais excelentes exemplos mainstream dos últimos meses, que penso ter o caro João Costa decidido com rapidez mas sem reflectir na produção anterior a todos estes.
    Contudo, falo por mim e somente o convidado desta iniciativa, se poderá justificar da sua linha de pensamento.

    ResponderEliminar
  14. ARMINDO PAULO FERREIRA: Não digo que sejam escolhas de mau gosto, pelo contrário. Contudo, parecem ignorar décadas e décadas de História do Cinema. Dá até a ideia que o cinema só começou há uns quantos anos. É claro que é um reflexo da cultura do participante.

    Cumps.
    Roberto Simões
    » CINEROAD - A Estrada do Cinema «

    ResponderEliminar

Comente e participe. O seu testemunho enriquece este encontro de opiniões.

Volte sempre e confira as respostas dadas aos seus comentários.

Obrigado.

CINEROAD ©2016 de Roberto Simões