sexta-feira, 19 de junho de 2009

MILK (2008)

PONTUAÇÃO: MUITO BOM
Título Original: Milk
Realização: Gus Van Sant
Principais Actores: Sean Penn, Emile Hirsch, Josh Brolin, Diego Luna, James Franco, Alison Pill, Victor Garber, Denis O`Hare

Crítica:

A VOZ DA IGUALDADE

Um triunfo sensível, delicado e de muito bom gosto. Gus Van Sant eleva com subtileza e inconfundível mestria este biopic de pura essência a um patamar inegavelmente superior. Milk revela-se, portanto, um autêntico e sublime pedaço de arte. O argumento de Dustin Lance Black - de uma sensibilidade dramatúrgica notável - confere-lhe uma força e uma comoção crescentes. Disseca, minuciosamente, o preconceito social em relação à homossexualidade e o cinismo púdico da classe política em São Francisco, anos 70. E satiriza, acima de tudo, a crueldade da ignorância. Pelo seu estilo próprio e tão bem sucedido, Milk ficará ainda recordado como um marco singular e salutar das relações entre o género ficcional e o género documentário.

Sean Penn, genial e num desempenho absolutamente transfigurador, está um assombro. Transcende-se a si mesmo... numa entrega total. Emile Hirsh está excelente e profundamente inspirado. Grandes prestações, também, do sentido James Franco, do propositadamente irritante Diego Luna e do tão sexualmente recalcado Josh Brolin. O mesmo nível de inspiração se alarga do casting à equipa por detrás das câmeras; saliente-se: o magnífico trabalho de montagem (Elliot Graham), o guarda-roupa (Danny Glicker) e a extraordinária banda sonora de Danny Elfman.

Um clássico instantâneo, esteticamente genuino, magistralmente bem feito.

11 comentários:

  1. Excelente filme, e claro grandes interpretações ^^


    Óscar merecido para o Sean Penn ;)

    ResponderEliminar
  2. Acabo de comprar o Blu-ray. Tomara que valha a pena!

    ResponderEliminar
  3. Também comprei o DVD ontem, mas já o tinha visto no cinema, e viu-o hoje também ;) Um excelente não diria, mas um MUITO BOM sólido.

    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Quanto ao filme, comento após a visualização da tua crítica. Para já deixo os meus parabéns relativamente ao banner e à sugestão da semana que, de resto, têm um elemento em comum: o soberbo Fight Club.

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Muito bom mesmo!!Gostei imenso!!Grande interpretação de Sean Penn, não esquecendo o grande Emile Hirsch, que depois de Into The Wild, volta a presentear-nos com mais uma grande interpretação!!

    ResponderEliminar
  6. FLÁVIO GONÇALVES: É um filme 5 estrelas, muito, muito bem feito. Penso que lhe serve bem a classificação que atribuí. Para lhe dar EXCELENTE teria que ser um filme revolucionário ou genial(artisticamente); não digo que socialmente não possa suscitar ou impulsionar a tão necessitada revolução ;)

    YIRIEN: Sem dúvida, o Óscar foi muito bem atribuido. Sean Penn é, cada vez mais, um grande senhor da indústria de Hollywood. Um actor genial.

    GUSTAVO: Para mim, se vale! Depois passa por aqui e deixa a tua impressão sobre o filme!

    JACKSON: Eu estive na ante-estreia do filme no São Jorge e já ansiava pelo DVD. Concordo contigo: nao digo excelente, mas um muito bo sólido. À altura das muitas e tão magníficas obras de Gus Van Sant, que tanto admiro.

    ÁLVARO MARTINS: Já sei, mas adoraria contar com a tua opinião neste espaço; quando muito não seja para a dar a conhecer aos restantes visitantes.

    FIFECO: O banner é da responsabilidade do nosso colega Jackson, foi um primeiro exercício. Ele é, sem dúvida, um ás. Os parabéns são inteiramente para ele. Fico então à espera do teu comentário, agora que a crítica já está publicada.

    ANITA: Subscrevo inteiramente.

    Cumps.
    Filipe Assis
    CINEROAD - A Estrada do Cinema

    ResponderEliminar
  7. Comprei hoje o DVD e já estive, com entusiasmo, a rever o filme, com o meu pai :p Quanto aos extras, ficarão para amanhã. Fico é com pena de serem tão poucos, eheh
    Bela crítica :p Parabéns!

    ResponderEliminar
  8. Obrigadíssimo pelos elogios, porque aliás, nem considero o banner nada de especial. :)

    E parabéns pela crítica, integralmente excelente!

    E retiro as palavras que disse acima, é sem dúvida um EXCELENTE como disse o Flávio ;)

    ResponderEliminar
  9. FLÁVIO GONÇALVES: Os extras não são realmente muitos e é pena. É um bom filme para ver em família :)
    Obrigado pelo elogio.

    JACKSON: Temos que falar sobre o banner ;) Agora quanto ao MILK: o meu EXCELENTE equivale ao teu "11". Nem deste o 11 ao filme. Por isso penso que estou a ser justo e que estamos de acordo com a nota atribuída.

    Cumps.
    Filipe Assis
    CINEROAD – A Estrada do Cinema

    ResponderEliminar

Comente e participe. O seu testemunho enriquece este encontro de opiniões.

Volte sempre e confira as respostas dadas aos seus comentários.

Obrigado.

CINEROAD ©2017 de Roberto Simões